xhamster xvideos pornhub redtube xxx thumbzilla

Teatro - Notre Terreur

Data de publicação: 
19.01.2010

Notre Terreur / O Nosso Terror
Lisboa, Culturgest, Grande Auditório
8, 9 e 10 de Abril de 2010

Uma co-produção D’Ores et Déjà, Culturgest, Festival d'Automne à Paris, Théâtre National de la Colline, Les Célestins, Théâtre de Lyon, Nouveau Théâtre d'Angers.
Com apoio institucional da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.

"Eles não têm trinta anos e representam a exacta antítese do que é criticado na sua geração: Sylvain Creuzevault e os seus companheiros da companhia d’Ores et Déjà são fervorosos promotores da aventura colectiva, conscientes das forças políticas que estão em jogo e capazes de fundar a evocação histórica (o Terror, ou os últimos dias de Robespierre) sobre o questionamento íntimo das origens. Nem salutar nem forçosamente revolucionário, um espectáculo simplesmente entusiasmante." (David Larre)

Criação colectiva de uma jovem companhia fundada em 2002, o espectáculo interroga-se sobre a queda de Robespierre, a sua morte, o seu último dia. O que é o Terror, esse período sangrento da Revolução Francesa? Que sulco deixa no nosso presente o seu ideal de democracia e pureza? Como olhamos para esta “cena primitiva” da lenda revolucionária? Terá ela um futuro? O espectáculo tem como paisagem em ruínas a aldeia global; como ponto de vista a provocação; como situação a entrada da humanidade na crise do capitalismo; como experiência do público, gigantescas lutas sociais; e como fontes, enfim, os processos verbais das sessões da Convenção, historiadores do século XIX, poetas do século XX como Bertolt Brecht e Heiner Müller… e os espectros do futuro.

Mais informações em: http://www.culturgest.pt/