xhamster xvideos pornhub redtube xxx thumbzilla

Exposição: Viva a República! 1910-2010.

Data de publicação: 
07.05.2010

Exposição
Viva a República! 1910-2010.

ENTRADA LIVRE

Comissário: Luís Farinha
Local: Lisboa, Cordoaria Nacional
Período de exibição: 12 de Junho a 01 de Dezembro de 2010
Horário: todos os dias, das 10h00 às 18h00 | dia 1 de Dezembro até às 20h00

Ver o site da exposição: http://vivarepublica.centenariorepublica.pt/

Para agendamento de visitas guiadas enviar email para: marcarvisitas@centenariorepublica.pt

Exposição da responsabilidade da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.

Resumo: A Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República promove uma exposição que pretende reproduzir os acontecimentos fundamentais do período da I República e do Republicanismo e relembrar os seus ideais cívicos, as suas principais realizações e os seus grandes protagonistas.

A exposição Viva a República! propõe uma leitura de um dos ciclos políticos mais marcantes da história de Portugal no século XX. O advento da República foi o momento decisivo de viragem de um Estado arcaico e dependente e o início do processo de transição do regime oligárquico para uma democracia de massas que só veio a florescer, definitivamente, em 25 de Abril de 1974.

No percurso, o visitante é convidado a acompanhar o triunfo da ideia republicana, a instauração do regime, a participação de Portugal na I Grande Guerra, a vida política, social, cultural e artística deste período até à Ditadura Militar imposta a partir do golpe de 28 de Maio de 1926 e o movimento de resistência à implantação do Estado Novo, corporativo e anti-democrático.

Esta exposição é dedicada ao público em geral e à população jovem em particular, integrando uma componente lúdica, mas também pedagógica, recorrendo a meios tecnológicos representativos das transformações e evoluções do último século.

Um século depois do 5 de Outubro é tempo de reflectir sobre a herança cívica, democrática e cultural deixada pelos pioneiros republicanos e depois cimentada por décadas de luta e resistência, até ao seu pleno florescimento e maturação.

Participe nos Repórteres da República:

reporteres republica