Exposição: Imagens da República Portuguesa no Brasil (1910-2010)

Data de publicação: 
01.05.2010

Exposição
Imagens da República Portuguesa no Brasil (1910-2010)

Local: Real Gabinete Português de Leitura, Rio de Janeiro
Período de exibição: Setembro de 2010
Horário: De 2.ª a 6.ª, das 9h00 às 18h00
Comissária: Angela Telles

Resumo: Selecionou-se nessa mostra algumas das imagens da República portuguesa estampadas em O Malho e na Revista da Semana, publicações brasileiras, que tiveram grande influência na vida social, política e literária das três primeiras décadas do século, como destacou Herman Lima, autor do clássico História da Caricatura no Brasil.

Em O Malho trabalharam renomados artistas do traço cômico do Brasil e de Portugal, como Raul, K. Lixto e J. Carlos, Leônidas, Storni, e os portugueses Alfredo Cândido e J. Ramos Lobão.

A Revista da Semana era dirigida pelo português Carlos Malheiro Dias e priorizava a cobertura fotográfica.

1910 e 1922 foram dois momentos em que a República portuguesa foi alvo da imprensa brasileira.

Em 5 de outubro de 1910, foi proclamada a República em Portugal, e, na ocasião, estava em visita oficial o presidente do Brasil Hermes da Fonseca (marechal Hermes). O Malho estampou charges ácidas sobre os acontecimentos, uma delas mostra o marechal Hermes, atordoado, dividido, entre a monarquia e a república.

1922 foi o ano das comemorações do centenário da Independência do Brasil. E, percebe-se um momento de estreitamento das relações Brasil Portugal nas páginas da Revista da Semana. De julho a setembro de 1922, Portugal esteve na ordem do dia, era o assunto do momento. O primeiro assunto, amplamente coberto, foi o feito inédito da primeira travessia aérea do Atlântico (Portugal-Brasil), realizada pelos aviadores portugueses Sacadura Cabral e Gago Coutinho. O outro acontecimento, que mereceu até capa de revista, foi à visita do presidente de Portugal Antônio José de Almeida, por ocasião das comemorações do Centenário da Independência do Brasil.