Exposição virtual "Caminhos da República: do Clube Democrático ao Grémio Literário Guilherme de Azevedo"

Data de publicação: 
08.06.2011

Exposição virtual:
Caminhos da República – do Clube Democrático ao Grémio Literário Guilherme de Azevedo
http://www.caminhosdarepublica.net/

Apresentação da Exposição por Dra. Leonor Lopes,  Coordenadora Científica da exposição, Luísa Barbosa, historiadora e os estagiários de Artes e Multimédia da Escola Superior de Educação de Santarém: António Raposo e Marina Dinis.

Data: 18 de Junho de 2011
Hora: 16h00
Local: Santarém, Teatro Taborda-Círculo Cultural Scalabitano
Entrada livre sujeita à lotação da sala

Organização: Comissão Executiva das Comemorações do Centenário da República, CCS

No âmbito das Comemorações do Centenário da República, criou-se no seio do CCS uma comissão executiva que promoveu ao longo de 2010, um conjunto de iniciativas e que agora encerra os seus trabalhos com a apresentação desta exposição virtual.

Pretende-se com ela promover o conhecimento da I República e do movimento republicano em Santarém, dar a conhecer, nesse contexto, a génese do Grémio Literário Guilherme de Azevedo, os seus principais actores e ainda divulgar, no seguimento das pesquisas efectuadas, um conjunto de documentos: arquivísticos, bibliográficos e iconográficos que ajudem a reflectir e a compreender a influência da figura de Guilherme de Azevedo e o desenvolvimento e consolidação da ideia republicana em Santarém.

Está organizada em 5 painéis que se desenrolam entre a década de 70 e a implantação da República em 5 de Outubro de 1910.

São abordados dois momentos fulcrais: a inauguração do primeiro clube republicano, o Clube Democrático e a criação do Grémio Literário, fundado em 1905, invocando ambos o nome do poeta escalabitano falecido em Paris em 1882.

A investigação foi coordenada por Leonor Lopes, directora do Arquivo Distrital de Santarém, coadjuvada por Luísa Barbosa, do Círculo Cultural Scalabitano, apoiadas por Vera Duarte, guia-intérprete e Dina Araújo, directora das bibliotecas do Instituto Politécnico de Santarém e graficamente concebida por António Raposo e Marina Dinis, estagiários do Curso de Artes Plásticas e Multimédia da ESES.