Academia dos Amadores de Música no Palácio Valadares

Data de publicação: 
06.06.2011

A Orquestra de Câmara da Academia de Amadores de Música actuou dia 2 de Junho no Palácio Valadares, onde se ouviram peças de Bach, Vivaldi e Mozart, entre outros compositores.

Esta actuação envolveu não só a orquestra de Câmara da Academia como  o Trio (violino – Manuel Ferrer; Guitarra – Manuel de Jesus; Contrabaixo – Pedro Sousa) e ainda o Ensemble Ad hoc dirigido pelo professor Fernando Flores.

O concerto incluiu a interpretação de diversas obras: o “Brandeburguishe Konzert nº4 G-Dur”, de J.S. Bach, o “Concerto para 4 violinos e Orquestra, do L’Estro Armónico .Op 3 em Fá Maior”, de Vivaldi, o “Trio nº3” de António Ximenez, “Anvil Polka”, de Albert Parlow e ainda diversos andamentos de “A Flauta Mágica”, de Mozart.

Este concerto incluiu-se nas actividades realizadas no âmbito da exposição “Educar. Educação para todos. Ensino na I república”, que está patente no Palácio Valadares, até dia 30 de Junho de 2011. Como recordou a comissária desta exposição, a historiadora Maria Cândida Proença, estas actividades pretendem relembrar as quintas-feiras de há 100 anos.

Nas escolas do tempo da I República “as quintas-feiras eram livres e preenchidas com actividades extracurriculares,  dedicadas sobretudo ao domínio das Artes”, afirmou Maria Cândida Proença.

A próxima actividade a realizar no Palácio Valadares é uma peça de teatro intitulada “1910” que dia 16 de Junho será interpretada pelos alunos do Agrupamento Vertical de Escolas Patrício Prazeres. Nesta peça falar-se-á de várias revoluções, entre elas a que a 5 de Outubro de há 100 anos implantou a República.